sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

2011 BATE À PORTA!

UM FELIZ 2011 E MUITA PAZ!

POLÍTICO CORRUPTO CHINÊS É FUZILADO

Se fosse assim por aqui  -  nas bandas do cacau  -,  a classe estaria em extinção!

Leia a matéria:

CHINA: CHEFE DE PARTIDO é FUZILADO POR CORRUPçãO

Diferentemente do Brasil, onde os políticos corruptos vivem à sombra da impunidade, na China o assunto é levado à sério e, muitas vezes, às últimas consequências. O diretor do departamento disciplinar do Partido Comunista local (PCCh) na cidade de Chenzhou (província de Hunan) foi fuzilado por ter aceitado suborno, de acordo com a agência oficial "Xinhua". Zeng Jinchun, que também era subsecretário do Comitê Municipal, recebeu subornos no valor de 31 milhões de iuanes (cerca de R$ 7,8 milhões) durante o desempenho de cargos locais entre 1997 e 2006, segundo a sentença de um tribunal de Changsha, capital de Hunan. Em troca do dinheiro, Zeng ofereceu contratos ao setor minerador e postos de trabalho. O comunista foi condenado à morte em novembro de 2008, e a apelação da sentença solicitada pelo réu foi rejeitada em julho do ano passado. Dezenas de autoridades chinesas já foram condenadas à morte por envolvimentos com corrupção, um delito que para o governo é a principal causa das críticas dos cidadãos ao partido que dirige o país há mais de 60 anos.

Fonte: bahianoticias


GENTILEZA GERA GENTILEZA - O PROFETA DO AMOR

José Datrino - O Profeta Gentileza
Ainda não sabia de quem se tratava. Afinal, não tinha tempo para me ocupar com coisas banais... Precisava dedicar todo o meu tempo ao serviço, nas fileiras do Corpo de Fuzileiros Navais, pensava.

Diáriamente, ao passar (de ônibus a caminho do trabalho) pelo trecho entre o Cemitério do Caju e a Rodoviária Novo Rio (Rio de Janeiro), observava aquelas inscrições postadas nas pilastras dos viadutos, muros e tapumes. Era uma extensão de cerca de um quilômetro e meio com aquelas frases desenhadas em verde-amarelo.

A frase mais comum está aí, em um de seus cartazes:

Não sabia quem era... Nunca tinha visto o autor dessas frases!  Não dava a menor importância para elas!

Somente depois de sua morte, fiquei sabendo que tratava-se de José Datrino, nascido na cidade paulista de Cafelândia (1917-1996).

Optando por aquele local, Gentileza colocava estrategicamente suas frases no lugar por onde passava um grande número de pessoas.   

Antes de vir para o Rio/Niterói, Gentileza trabalhava no campo, onde aprendeu a amansar burros para o transporte de carga. Já no Rio, como profeta Gentileza, se dizia "amansador dos burros homens da cidade que não tinham esclarecimento".

Desde sua infância José Datrino era possuidor de um comportamento atípico. Por volta dos treze anos de idade, passou a ter premonições sobre sua missão na terra, na qual acreditava que um dia, depois de constituir família, filhos e bens, deixaria tudo em prol de sua missão. Este comportamento causou preocupação em seus pais, que chegaram a suspeitar que o filho sofria de algum tipo de loucura, chegando a buscar ajuda em curandeiros espirituais.


Um incêndio ocorrido no ano de 1961 (foto acima)num circo em Niterói teria sido a sua motivação para vir morar no Rio de Janeiro e dar início à sua "missão" profética. Nesse incêndio, morreram mais de 500 pessoas. Gentileza disse um dia ter ouvido "vozes  astrais" que o mandavam abandonar o mundo material e se dedicar apenas ao mundo espiritual. O Profeta pegou um de seus caminhões e foi para o local do incêndio. Plantou jardim e horta sobre as cinzas do circo em Niterói, local que um dia foi palco de tantas alegrias, mas também de muita tristeza. Aquela foi sua morada por quatro anos. Lá, José Datrino incutiu nas pessoas o real sentido das palavras Agradecido e Gentileza. Foi um consolador voluntário, que confortou os familiares das vítimas da tragédia com suas palavras de bondade. Daquele dia em diante, passou a se chamar "José Agradecido", ou simplesmente "Profeta Gentileza".
Após deixar o local que foi denominado "Paraíso Gentileza", o profeta Gentileza começou a sua jornada como personagem andarilho. A partir de 1970 percorreu toda a cidade. Era visto em ruas, praças, nas barcas da travessia entre as cidades do Rio de Janeiro e Niterói, em trens e ônibus, fazendo sua pregação e levando palavras de amor, bondade e respeito pelo próximo e pela natureza a todos que cruzassem seu caminho. Aos que o chamavam de louco, ele respondia: - "Sou maluco para te amar e louco para te salvar".

AMIGOS LEITORES DESTE NOVO BLOG,LEVEMOS PARA 2011 AS LIÇÕES DO "PROFETA GENTILEZA":

"GENTILEZA GERA GENTILEZA!" 

A SAGA DE UM DIÓGENES EM ILHÉUS, ITABUNA OU CANAVIEIRAS

Diógenes de Sínope, O Cínico, como também ficou conhecido, era um filósofo que viveu em Atenas. 

Naquela cidade grega, tornou-se   discípulo de Antístenes, antigo pupilo de Sócrates. Decidiu perambular pelas ruas de Atenas como um mendigo, fazendo da pobreza extrema uma virtude.  Sua casa teria sido um grande barril. Andava pelas ruas carregando uma lamparina, durante o dia. Dizia estar procurando por um homem honesto. 

Tempos depois, foi viver em Corinto, onde continuou a buscar o ideal Cínico da auto-suficiência: uma vida que fosse natural e não dependesse das luxúrias da civilização. Por acreditar que a virtude era melhor revelada na ação e não na teoria, sua vida consistiu duma campanha incansável para desbancar as instituições e valores sociais do que ele via como uma sociedade corrupta.

O Cinismo de Diógenes nada tem a ver com o conceito pejorativo de pessoas sem pudor, indiferentes, falsas ou descaradas. O Cinismo é uma corrente filosófica que parte do princípio de que a felicidade nada depende do externo ao indivíduo. O mais importante representante dessa corrente foi Diógenes. 

Diógenes teria sido aprisionado por piratas  e vendido como escravo. Um homem com boa educação chamado Xeníades o comprou. Logo ele pôde constatar a inteligência de seu novo escravo e lhe confiou tanto a gerência de seus bens quanto a educação de seus filhos.

São muitas as citações da vida de Diógenes. Numa delas, conta-se que um dia Diógenes foi visto pedindo esmola a uma estátua. Quando lhe perguntaram o motivo de tal conduta ele respondeu "por dois motivos: primeiro é que ela é cega e não me vê, e segundo é que eu me acostumo a não receber algo de alguém e nem depender de alguém."

Moral da história: se nosso filósofo Diógenes teve tanta dificuldade para encontrar um homem honesto na Grécia Antiga, imagina se vivesse nos dias de hoje em nossa região e fizesse o mesmo! No grupo político que aí está, então, nem se fala!


CONVERSA DE BOTEQUIM

Dizem que na maioria das conversas de bar pouco se aproveita. Não foi o caso dessa.

Ontem, recebi um amigo de Salvador.  À noite, fomos a um dos botecos da Passarela do Álcool, no Pontal. Em meio ao bate-papo, veio o tema político.

Meu amigo começou a narrar um diálogo seu com dois colegas de trabalho antes das eleições.  Diferentemente dele, ambos pertencem a famílias de classe média alta e moram em bairros da orla em Salvador.  Meu amigo, ao contrário, mora na periferia e conseguiu pagar e concluir seus estudos universitários em Administração de Empresas com muitas dificuldades.

Tentando justificar porque não votariam na Dilma, seus dois colegas fizeram as seguintes afirmações: 

Um deles disse:   -  "Sei que há milhões de pessoas recebendo o benefício do Bolsa Família, mas eu não preciso disso, não recebo um tostão!"

O outro afirmou:   -  "O governo tem divulgado que mais de 750 mil estudantes de famílias pobres estão no ProUni. Não dependo do ProUni para pagar minha faculdade, minha família tem dinheiro pra pagar!"

O primeiro completou  -  "Outra coisa, tem muita gente comprando carro... Tá ficando difícil eu andar com o meu nas ruas!"

(Com essa última, lembrei do infeliz do Luis Carlos Prates, da RBS de Santa Catarina).

Claro que meu amigo apresentou suas contra-argumentações.  Só não sabe se fez os dois infelizes egocêntricos mudarem de opinião.

Essa conversa de botequim veio a calhar, porque entre os nossos daqui de Ilhéus, de Itabuna, de Canavieiras e de outras cidades da região, podemos identificar traços marcantes do egocentrismo.  Muitas retinas não ultrapassam os limites dos próprios umbigos.  Não pensam no bem-estar coletivo...  Não imaginam que o estabelecimento desse bem-estar coletivo, além de um ato de amor, significa, em última análise, a paz e a tranquilidade de todos.

Bem... Dessa conversa de botequim pode-se tirar algum proveito... Se transformada numa REFLEXÃO para essa passagem de ano.

UM FELIZ ANO NOVO A TODOS OS POVOS DO PLANETA!

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

O GUETO DO ATRASO PERDEU MAIS UMA!

Em 2006, no Município de Canavieiras, "o gueto do atraso" conseguiu criar e implantar a Reserva Extrativista de Canavieiras, incluindo parte do litoral de Una, toda a zona costeira de Canavieiras e parte da de Belmonte. Sítios, fazendas e casas situadas na área urbana da cidade foram incluídas e seus donos perderam o direito às propriedades.
Os motivos para criação dessa Unidade de Conservação foram: 
1) Impedir a construção de equipamentos de infra-estrutura turística (hotéis e resorts). Alguns já em andamento; e 
2) Perseguir, com multas e exigências descabidas, os proprietários das fazendas de criação de  camarão em cativeiro (carcinicultura)já implantadas, até o abandono total da atividade.
Em 2008, entre Nova Viçosa e Caravelas, o "gueto do atraso" conseguiu fazer a população engolir guela abaixo a Reserva Extrativista do Cassurubá.
Os motivos para a criação dessa Unidade de Conservação foram: 
1) impedir a exploração de gás e petróleo na Ilha do Cassurubá e imediações; 
2) Impedir a implantação das fazendas de criação de  camarão em cativeiro (carcinicultura); e 
3) Impedir a construção de equipamentos de infra-estrutura turística (hotéis e resorts) nas cidades de Nova Viçosa e Caravelas.
Agora, eles tiveram um revés!  
Vejam!
 ABROLHOS: TRF AUTORIZA EXPLORAçãO DE PETRóLEO


Foto: Google

O Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região derrubou a liminar obitida pelo Ministério Público da Bahia que proibia a exploração de petróleo e gás em um raio de 50 quilômetros em torno do Parque Nacional Marinho de Abrolhos, no sul baiano. Na sentença, o desembargador Olindo Menezes afirma que a decisão impugnada acarreta “grave lesão à ordem e à economia pública”, e que a suspensão total das atividades “atinge o planejamento estratégico do país em relação à nossa matriz energética, o que certamente coloca em risco a própria segurança nacional". A decisão garante a continuidade das atividades petrolíferas de todas as 16 concessões já licitadas para cinco empresas e ainda possibilita promoção de novas pela ANP. O Parque Nacional Marinho dos Abrolhos foi criado em 1983 e tem hoje a maior biodiversidade do Atlântico Sul, com um mosaico de ambientes marinhos e costeiros margeados por remanescentes de Mata Atlântica, que inclui recifes de coral, fundos de algas, manguezais, praias e restingas. A decisão do TRF preocupa ambientalistas, que temem impactos negativos da atividade petrolífera naquela região, com prováveis riscos de vazamento.

FONTE: http://www.bahianoticias.com.br/

FALTAM 3 DIAS...

A eleição de Dilma, como alguns pensam, não é uma vitória do Partido dos Trabalhadores, mas de todo o povo brasileiro.

Com Dilma na Presidência, afastam-se as possibilidades de retrocessos para atender interesses de um grupo nacional minoritário e de algumas das grandes potências hegemônicas da economia mundial.  Entre estas, a mais imperialista de todas: a América do Norte.  

Mesmo tendo demonstrado toda sua fragilidade nos anos de 2008 e 2009, quando da quebradeira geral em nível mundial, nossos adversários políticos (PSDB, DEM e PPS) insistem no modelo Neoliberal.  Não vamos aqui discutir os interesses que os movem.

Acredito que a Dilma não trará muita novidade.  Dará continuidade aos programas governamentais do Lula, buscando aperfeiçoá-los, conforme orientações emanadas dos pensadores petistas e o "feed-back" recebido das bases, que é o povo.

Na nossa região há projetos em andamento, a exemplo da Zona de Processamento de Exportação (ZPE), do Complexo Intermodal Porto Sul e da Ferrovia da Integração Oeste-Leste (FIOL).  Empreendimentos estruturantes que deverão atrair novos investimentos privados e exigir, do Estado, o melhoramento de outras infra-estruturas como de rodovias e de setores urbanos das cidades (meios de transporte, habitação, lazer e saúde, dentre outros).

Para nós, a FIOL é de extrema importância, considerando-se o novo polo de desenvolvimento mundial surgido a partir do início dos anos 90 na Região do Pacífico. 

A FIOL representa não apenas uma via para escoamento de produtos do interior baiano e da região central do país pela cidade de Ilhéus.  Muito mais que isso, quando ligar o Atlântico ao Pacífico, será o encurtamento do caminho para o nosso comércio com nações da Ásia e da Oceania que fazem parte da Cooperação Econômica da Ásia e do Pacífico (Asia-Pacific Economic Cooperation (APEC)

A APEC é um bloco formado por Austrália, Brunei, China, Hong Kong, Indonésia, Japão, Coréia do Sul, Malásia, Nova Zelândia, Papua-Nova Guiné, Filipinas, Rússia, Singapura, Taiwan, Tailândia e Vietname, além de Chile, Estados Unidos da América, México, Canadá e possessões européias ultramarinas. Nessa lista, podemos observar a existência de dois membros do BRICs (Rússia e China), países com os quais já temos uma boa sintonia nos assuntos relacionados à economia e ao comércio mundial.

A APEC representa um terço da população do Planeta, isto é, cerca de 2.650.000.000 de pessoas. O PIB é de aproximadamente US$19000 bilhões, o que corresponde a 60% do PIB mundial. É responsável por cerca de 47% do comércio mundial, movimentando US$2891 bilhões em exportações e US$3094 bilhões em importações.

Enquanto o PIG (Partido da Imprensa Golpista) criticava as viagens do Lula (especialmente nos programas de humor da Globo), o Brasil foi acessando e expandindo-se para novos mercados.  Com isso, deixou de submeter-se às regras econômicas e comerciais impostas pelo FMI/EUA.

Na nossa Região, Lula deixa para Dilma e todos nós as "heranças benditas" do Porto Sul, da ZPE e, principalmente, da FIOL, que ligará Ilhéus e todas as cidades por ela cortadas, a esse grande "boom" da economia/comércio mundial representado pelos nossos irmãos asiáticos.

A Dilma toma posse daqui a três dias.

Que venham logo o Porto Sul, a ZPE e a FIOL!

Estamos torcendo por você Mulher Guerreira!

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

AS QUATRO MELHORES CHARGES QUE ENCONTREI HOJE




OUTRA DO CAMALEÃO...

Onde estão os bandidos do complexo do alemão?

Blz, gente?

Estou meio sumido, isto é se há como sumir pela metade.(Já imaginou sumir apenas a parte de baixo ou de cima de alguém? rsrsrsrs)
E por falar em sumiço, quem sumiu foi aquele bando de bandidos do complexo do alemão, ninguém viu, ninguém sabe, eles desapareceram, não é mesmo.
Tive informações privilegiadas do wikileaks a cerca do paradeiro de alguns desses bandidos.
Para compartilhar com vcs, fiz um desenho corrido mas que dá uma noção do que aconteceu por lá.


Viram a realidade?

FONTE: www.camaleaocaricaturas.blogspot.com

CHARGE DO "CAMALEÃOCARICATURAS.BLOGSPOT.COM"

FONTE: www.camaleaocaricaturas.blogspot.com

MEXE COM QUEM ESTÁ QUIETO.

Reproduzo Matéria publicada no O Sarrafo

Veja: má vontade e preconceito conduzem à cegueira

BLOG DO PLANALTO

Resposta do ministro Jorge Hage a editorial de balanço da revista Veja:

Brasília, 27 de dezembro de 2010.

Sr. Editor,

Apesar de não surpreender a ninguém que haja acompanhado as edições da sua revista nos últimos anos, o número 52 do ano de 2010, dito de “Balanço dos 8 anos de Lula”, conseguiu superar-se como confirmação final da cegueira a que a má vontade e o preconceito acabam por conduzir.

Qualquer leitor que não tenha desembarcado diretamente de Marte na noite anterior haverá de perguntar-se “de que país a Veja está falando?”. E, se o leitor for um brasileiro e não integrar aquela ínfima minoria de 4% que avalia o Governo Lula como ruim ou péssimo, haverá de enxergar-se um completo idiota, pois pensava que o Governo Lula fora ótimo, bom ou regular. Se isso se aplica a todas as “matérias” e artigos da dita retrospectiva, quero deter-me especialmente às páginas não-numeradas e não-assinadas, sob o título “Fecham-se as cortinas, termina o espetáculo”. Ali, dentre outras raivosas adjetivações (e sem apontar quaisquer fatos, registre-se), o Governo Lula é apontado como “o mais corrupto da República”.

Será ele o mais corrupto porque foi o primeiro Governo da República que colocou a Polícia Federal no encalço dos corruptos, a ponto de ter suas operações criticadas por expor aquelas pessoas à execração pública? Ou por ser o primeiro que levou até governadores à cadeia, um deles, aliás, objeto de matéria nesta mesma edição de Veja, à página 81? Ou será por ser este o primeiro Governo que fortaleceu a Controladoria-Geral da União e deu-lhe liberdade para investigar as fraudes que ocorriam desde sempre, desbaratando esquemas mafiosos que operavam desde os anos 90, (como as Sanguessugas, os Vampiros, os Gafanhotos, os Gabirus e tantos mais), e, em parceria com a PF e o Ministério Público, propiciar os inquéritos e as ações judiciais que hoje já se contam pelos milhares? Ou por ter indicado para dirigir o Ministério Público Federal o nome escolhido em primeiro lugar pelos membros da categoria, de modo a dispor da mais ampla autonomia de atuação, inclusive contra o próprio Governo, quando fosse o caso? Ou já foram esquecidos os tempos do “Engavetador-Geral da República”?

Ou talvez tenha sido por haver criado um Sistema de Corregedorias que já expulsou do serviço público mais de 2.800 agentes públicos de todos os níveis, incluindo altos funcionários como procuradores federais e auditores fiscais, além de diretores e superintendentes de estatais (como os Correios e a Infraero). Ou talvez este seja o governo mais corrupto por haver aberto as contas públicas a toda a população, no Portal da Transparência, que exibe hoje as despesas realizadas até a noite de ontem, em tal nível de abertura que se tornou referência mundial reconhecida pela ONU, OCDE e demais organismos internacionais.

Poderia estender-me aqui indefinidamente, enumerando os avanços concretos verificados no enfrentamento da corrupção, que é tão antiga no Brasil quanto no resto do mundo, sendo que a diferença que marcou este governo foi o haver passado a investigá-la e revelá-la, ao invés de varrê-la para debaixo do tapete, como sempre se fez por aqui.

Peço a publicação.

Jorge Hage Sobrinho

Ministro-Chefe da Controladoria-Geral da União

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

A ESCOLHA DO NOME... O ARÍETE

Um aríete é uma antiga máquina de guerra constituída por um forte tronco de freixo ou árvore de madeira resistente, com uma testa de ferro ou de bronze a que se dava em geral a forma da cabeça de carneiro.
Os aríetes eram utilizados para romper portas e muralhas de castelos ou fortalezas.
Foram largamente utilizados nas Idades Antiga e Média. Existiam diversas formas de aríetes, dependendo do local e povo que o construía. Pode-se dizer que eles foram os precursores dos tanques de guerra.

Os aríetes serviam para abrir brechas nas muralhas e nos portões dos castelos que guardavam os senhores e seus exércitos. Pelas brechas abertas, entravam as tropas que tinham por objetivo acabar com as iniqüidades e a exploração que os monarcas infligiam ao povo.

O Aríete já foi um modesto períodico mensal publicado na cidade de Canavieiras com essa mesma finalidade... Hoje, ele retorna no formato virtual e dinâmico da Internet, oferecendo à população da Região Cacaueira mais um espaço democrático para discussão dos problemas que nos afetam.

O Editor: Souza Neto

“NÃO VAI SOBRAR PEDRA SOBRE PEDRA”

  No Blog do Israel Nunes foi publicada essa notícia a respeito de ações da Polícia Federal nas cidades da Região Cacaueira, fazendo parte de uma Operação denominada "Vassoura de Bruxa".

Pelo que informa o renomado e bem informado procurador federal e blogueiro, a coisa vai mesmo feder para aqueles que estavam acostumados com a impunidade.  Esqueceram-se de que os tempos são outros.  O grupo acemista do DEMOs não manda mais na Bahia.

Só espero que a PF tenha incluído as cidades pequenas nas suas investigações, não apenas Itabuna e Ilhéus.  Canavieiras, por exemplo, precisa de uma boa "vassourada", a fim de colocar as "bruxas" no seu devido lugar!

Souza Neto

Eis a matéria:

 “NÃO VAI SOBRAR PEDRA SOBRE PEDRA”

Esta foi a frase que ouvi hoje de um amigo, Agente Político Municipal, em comentário de publicações de outros blogs e veículos de comunicação sobre supostos indiciamentos de diversos políticos locais, pela Polícia Federal, em decorrência da Operação denominada “Vassoura de Bruxa”.

A coisa toda logo vai para o ventilador, tão grande é o número de pessoas envolvidas. E olha que vai de Secretário Municipal a Vereador (que talvez ainda seja “convidado” a engrossar o caldo), passando pelo setor de licitações e procuradoria do Município.

Não há como adiantar nada aos leitores, pois só costumo citar nomes quando há documentos inequívocos. Mas um ar pesado tem pairado sobre os gatunos da cidade. Muitos já estão se adiantando, consultando-se com advogados, benzedeiros e mães de santo.

“É o maior escândalo de Ilhéus!”, confidenciou-me o amigo hoje pela manhã.

Resta saber se, depois dessa, a população ainda votará nesses indivíduos. E olha que muitos almejam (e alguns até já se declararam) serem candidatos a Prefeito de Ilhéus. Se já fizeram tanto não sendo, o que fariam sendo Prefeitos?

E, diante de alguns nomes envolvidos citados, depois da conversa, pude pensar: “A casa (e a máscara) caiu, irmão!”

Perdoem-me leitores. Já nem tenho palavras para escrever mais uma linha sobre esta porcariada toda…

Depois que isso estourar, até que a cidade recupere os brios e o povo novamente o gosto por votar em projetos políticos nos quais acredita de verdade, qualquer denúncia em blog vai ser fichinha…

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

CBF RECONHECE: O BAHIA É BI-CAMPEÃO BRASILEIRO - 1959 E 1988

A CAMPANHA DE 1959 

14 Jogos

9 vitórias
2 empates 
3 derrotas  

Resumo da participação: por ser o campeão estadual, mas não se enquadrar na categoria dos grandes do Brasil até então, o Bahia disputou todas as fases da competição, desde o grupo Nordeste, depois a Zona Norte e posteriormente a final contra o campeão da Zona Sul.

Final: Com uma vitória para cada lado, o Bahia derrotou o Santos no jogo-desempate

Bahia 3 x 1 Santos (29 de março de 1960)
Gols: Coutinho (Santos) aos 27 e Vicente aos 37 minutos do primeiro tempo; Léo aos 47 segundos e Alencar aos 31 minutos do segundo.







sábado, 18 de dezembro de 2010

PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO 2011-2020

Esta charge traduz muito bem meu sentimento de Professor ao ler as "metas" do PNE 2011-2020.

Acho que vou pedir minha demissão e ambular nas ruas!

Souza Neto

AGORA, VOTE... NA CHARGE... NA ELEIÇÃO, NÃO TEM MAIS JEITO!

CHARGE Nº 1

CHARGE Nº 2

CHARGE Nº 3

CHARGE Nº 4

CHARGE Nº 5

CHARGE Nº 6

CHARGE Nº 7

CHARGE Nº 8

CHARGE Nº 9

CHARGE Nº 10

CHARGE Nº 11

CHARGE Nº 12

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

FALANDO DE SURF



Difícil pra mim, falar de surf...   

Quando menino, peguei muito “jacaré” nas praias de Canavieiras, mas subir numa prancha sempre foi um desafio que nunca encarei. Até aprendi vela, quando morei em São Pedro da Aldeia.  Tive um excelente instrutor  -  um Capitão-de-Corveta da Marinha Real Britânica, que era meu vizinho na Vila Naval. Mas só velejava em Laser.  Quando tentei o Windsurf, não consegui ficar de pé. Ora capotava pra trás, ora sobre o mastro e a vela.

Tive meus primeiros contatos com o surf no Rio. Quase que por acaso.  E como simples observador. 

Certa vez estava passando uns dias em Saquarema e pude assistir um pouco de uma etapa que não me lembro muito bem qual era o circuito.

Tempos depois, na época em que morava em Niterói, tinha o hábito de curtir as praias de Piratininga, Camboinhas, Itaipu e Itacoatiara. Num determinado dia, tinha ido a Itacoatiara pra dar uns mergulhos atrás de garoupas e badejos e, claro, beber uma cervejinha, que ninguém é de ferro. Dei de cara com uma etapa do circuito nacional  de surf . Um visual muito legal!  Além da beleza local, algumas gatas, com suas silhuetas perfeitas e bronzeadas, passeavam pelas cristas das ondas com suas pranchas de “bodyboard”. Um verdadeiro colírio... Saiam da água com suas pranchinhas debaixo do braço e ensaiando uma ginga que mais pareciam a Garota de Ipanema, do Tom.
 
Em outra oportunidade... Não me lembro o ano nem o dia... Tinha sido "intimado" a comparecer a uma etapa do Circuito Mundial, na Barra da Tijuca (Rio). Fui arrastado pelas minhas duas filhas, adolescentes na época. Era o motorista delas, lógico! Circo montado, palanque, arbitragem, auto-falantes, megafones, rock nos intervalos... Enfim, muita animação. Areias cheias de gente muito bonita (coisa normal no Rio).   

As ondas não estavam lá essas coisas.  O que é normal na Barra, onde o gradiente é bastante suave.  Mas isso era compensado porque as ondas estavam bastante compridas e regulares. 

A cada manobra, a galera respondia com os gestos característicos dos surfistas (o "hang loose", que ao pé da letra quer dizer "pendurado solto", mas no Hawaí significa "fique calmo"), seguido dos gritos de “uuuhhhhh!”.  E eu naquele meio com cara de bocó... mas gostando do alvoroço.
 
Falar do surf daquela época não inclui o Andy Irons, que morreu sinistramente esses dias. Não se pode dizer o mesmo do Kelly Slater.  O Slater, além dos campeonatos mundiais conquistados, havia gravado uns Rocks legais e nossa família curtia suas músicas.  Aliás, lá em casa (quando morava no Rio) só tocava Rock, de Pink Floyd a Guns & Roses. E o Kelly Slater era muito bom cantando.  Tão bom quanto em cima de uma prancha. Não sei depois... Hum... por falar em "depois", depois descrobri que as meninas me carregaram até a Barra não por causa do surf, mas por causa do Kelly Slater, sua simpatia e seu rock.

Bom... não precisa dizer que o Slater  deu um show naquele dia. Saímos da praia e durante todo o trajeto até a Tijuca (onde morávamos) comentamos sobre a perfomance do cara. Atravessamos a bela floresta do Alto da Boa Vista falando de surf.

É isso...

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

FUZILEIROS NAVAIS PARTICIPAM DO COMBATE AO CRIME ORGANIZADO NO RIO

LUIZA SOUTO
DO RIO
A Polícia Militar ocupa, às 13h desta quinta-feira, a favela da Vila Cruzeiro (zona norte do Rio), no Rio de Janeiro, com 120 homens do Bope e 40 do 16º Batalhão da Polícia Militar de Olaria. A entrada na favela é realizada com seis tanques blindados da Marinha, modelo M113, usados para furar bloqueios criados por traficantes. No horário, havia tiroteio no local.

Leia a cobertura completa sobre os ataques no Rio
Entenda a onda de ataques no Rio
Acompanhe a Folha no Twitter
Conheça a página da Folha no Facebook

A operação na Vila Cruzeiro tem o objetivo de coibir os ataques e incêndios de veículos registrados em diferentes pontos do Estado desde o último domingo (21). Os tanques blindados da Marinha chegaram nesta manhã à Vila Cruzeiro. Em cada um deles cabem 12 homens.

O coronel Álvaro Garcia, chefe do Estado Maior da Polícia Militar do Rio de Janeiro, considera o efetivo suficiente para combater o crime no local e pediu para as pessoas ficarem dentro de suas casas.


Marcelo Sayao/Efe
Blindados da Marinha auxiliam operações da Polícia Militar do Rio; veja mais imagens
Blindados da Marinha auxiliam operações da Polícia Militar do Rio; veja mais imagens

"Estamos atuando de forma a trazer tranquilidade para a população", diz Garcia. Segundo o coronel, a atuação da PM na Vila Cruzeiro já estava programada a muito tempo, com base em informações da inteligência da polícia militar.

Durante a noite desta quinta-feira (25), a PM fará 50 rotas diferentes em locais considerados de risco no Rio de Janeiro. O objetivo é garantir a segurança da população, segundo a PM

Na quarta-feira (24), o governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), pediu apoio à Marinha brasileira para conter a onda de ataques que ocorrem no Estado. Em entrevista ao 'Jornal Nacional', da TV Globo, na noite desta quarta-feira, o político disse que recebeu um fax do ministro da Defesa, Nelson Jobim, garantindo apoio logístico. (...)

*******************************
Como Fuzileiro Naval, lembro-me de uma honrosa citação da escritora Raquel de Queiroz:

“Quando se houverem acabado os soldados no mundo – quando reinar a paz absoluta – que fiquem pelo menos os fuzileiros navais, como exemplo de tudo de belo e fascinante que eles foram!” 

Raquel de Queiroz

TRILHÃO DO CARANGUEJO

Deu no Pimenta na Muqueca

Cerca de 200 motociclistas são esperados neste fim de semana em Canavieiras, onde acontece a segunda edição do Trilhão Nacional do Caranguejo. Os participantes vão se concentrar às 8h30min de domingo, 28, na Rua João Ribeiro Vagner, centro da cidade, de onde partem para a trilha de 30 quilômetros, passando por fazendas de cacau às margens do Rio Pardo.
Informações sobre o evento e regras sobre a participação na trilha serão apresentadas durante um coquetel no sábado, 27, a partir das 18 horas. Representantes de motoclubes de Porto Seguro, Eunápolis, Itabuna, Ilhéus e Salvador estarão presentes.
Entre os participantes do Trilhão Nacional do Caranguejo, estarão o tricampeão baiano de motocross, Leonardo Barros (o “Léo Bala”), e o atual campeão baiano de Cross Country, Rosimar Bomfim, conhecido como “Mazinho”.

**************************************

terça-feira, 23 de novembro de 2010

UNIVERSITÁRIOS A PÉ EM CANAVIEIRAS

Postado em Pimenta na Muqueca


Estudantes de Canavieiras denunciam que,  após a Agerba apreender o ônibus que fazia o transporte de universitários do município para a Uesc e FTC/Itabuna, a maioria está sem poder frequentar aulas.
A prefeitura teria informado que só regulariza o transporte no próximo ano. A apreensão ocorreu há cerca de um mês. A situação é desesperadora pra estudantes bolsistas, que têm a assiduidade como critério para manutenção do benefício.

******************************************** 

SEM COMENTÁRIOS!

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

AMARILDO - A GAZETA

AH! A INTERNET!

O SITE DE RELACIONAMENTO

kktt1
- Oi, sou novo aqui e você?
- Eu também,  aliás só agora estou me modernizando. Fazendo um  “up” em minha vida!
- Eu já frequento outros sites, mas  ouví  dizer que aqui é mais radical. Afinal o que busco é mais energia e algumas loucuras também.
-  Hehehehehe…loucuras? Acho que veio ao local certo. De que tipo prefere?
- Das loucuras todas, mas de pessoas só algumas. Sou muito reservado!
- Não gosto também de muita publicidade. O que busco tem que ser na confidencialidade. Na base do segredo mesmo!
- Hummmmmm … adorei saber! Em mim pode confiar plenamente.
- Qual é o seu sexo?
- O preferido ou o vivido?
- Ambos, é claro!
- Me finjo de homem, sou até casado e tenho 2 filhos.
- Uauaa … pois eu também sou casada e, coincidência, tenho 2 filhos.  Já me enchí  de ser apenas mulher, quero experimentar novos sabores.
- Mas, por que você não se abre para o maridão e revela seus desejos? Quem sabe ele até se atreva a um ménage?
- Deus me livre! Ele é muito machista e nunca admitiria uma coisa dessas. E sua esposa, você falaria a ela sobre suas fantasias?
- Aquela chata e cafona?!!! Nem morta me entenderia. Não é “cabeça” como você.
- Obrigado. Meu marido também nunca seria tão sensível e aberto assim do seu jeito. Com ele tem que ser na base do chifre mesmo.
- Eu também estou admirando sua coragem em se “abrir”. Talvez possamos nos conhecer pessoalmente, o que acha?
- Podemos sim! Que tal na quarta à noite, pois ele sempre vai ao futebol e depois estica um pouco com os amigos.
- Pra mim está ótimo, pois também tenho alvará às quartas, gosto de futebol e me divertir com os amigos.
- Tô achando incrível tantas coincidências. Parece que nos conhecemos há anos, né mesmo?
- Será?!!! Qual é seu nome verdadeiro?
- Isso não posso dizer, querido! Mas minhas iniciais são  A.M.B e as suas?
- Não acredito! Puta que pariu, é você mesma A.M.B?!!!
- Então você é um enrustido J.C.G.S, seu viado filho da puta!!!
- E você é uma sapatona A.M.B. Bem que eu desconfiava desse buço!
- Vá se fuder!
- Você também! Vou te deletar da minha vida.

(Do site Besta Fubana).

TRILHÃO NACIONAL DO CARANGUEJO.

Um final de semana de aventura para os amantes da velocidade sobre duas rodas!

A segunda edição do TRILHÃO NACIONAL DO CARANGUEJO vai ser realizada em Canavieiras nos dias 27 e 28 de novembro.

Cerca de duzentos pilotos baianos entre eles o tetra campeão de Motocross Leonardo Barros, o “Léo Bala” e o atual campeão baiano de Cross Country Rosimar Bonfim, conhecido como “Mazinho” e também de outros estados como Minas Gerais e Distrito Federal, vão correr os trinta quilômetros de trilha.

Os participantes vão passar por fazendas de cacau, muita lama e um belo visual às margens do Rio Pardo.

Durante o evento, os motoclubes de Porto Seguro, Eunápolis, Itabuna, Ilhéus e Salvador vão fazer um super encontro. A expectativa é de que 300 motos se desloquem para a confraternização.

No dia 27, sábado,  às 18 horas vai ser oferecido aos participantes patrocinadores e toda imprensa um coquetel, para que todos tenham informações sobre evento e as regras para a trilha, além da apresentação de um clip com os melhores momentos do trilhão de 2009.

No domingo, dia 28 às 8h30 os participantes vão se reunir em frente a Evolução Veículos, localizada na Rua Dr. João Ribeiro Vagner, 484 no centro de Canavieiras, para confirmar a inscrição e começar a aventura sobre duas rodas! A largada vai ser às 9h30.

Este será um importante evento esportivo para todo sul da Bahia e contamos com o apoio deste veículo, para que possa divulgar e contribuir com a valorização do esporte em nossa região.

Atenciosamente,
Equipe Trilhão Nacional do Caranguejo
Contato: Suzi Martins – (73) 8851-3188

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

BOAS NOTÍCIAS PARA CANAVIEIRAS

RESTAURAÇÃO DO AEROPORTO DE CANAVIEIRAS EM 2011.

VOANDO ALTO

Foto Ilustrativa do Aeroporto de Ilhéus

Quase metade dos aeroportos baianos será restaurada.

Dos 78 aeroportos administrados pelo Departamento de Infraestrutura de Transportes da Bahia (Derba), pelo menos 32 vão receber algum tipo de melhoria. Só neste ano, o Órgão já iniciou obras em 20 terminais aeroportuários, e os 12 restantes já têm projetos elaborados. Todos passarão por restauração total do terminal de passageiros e da pista de pouso e decolagem, além do fechamento da área patrimonial, ou seja, construção de muros ou cercas, impedindo, assim, o acesso de pedestres e animais na área restrita.

Com as intervenções, muitos aeródromos que estavam interditados pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), por falta de segurança, voltarão a operar voos normalmente, como é o caso de Abaré, Prado, Itaberaba, Valente e Souto Soares, cujas obras já estão em fase de conclusão e devem ser entregues até o final deste ano.

A iniciativa não só restabelece a operacionalidade dos instrumentos, como pode ser o pontapé inicial para atrair novos investimentos para a Bahia. “Um estado com a dimensão territorial como o nosso não pode depender, em sua maioria, do transporte terrestre. Um plano de logística e de infraestrutura aeroportuária é imprescindível para alavancar a nossa economia. Pensando nisso, elaboramos projetos para recuperar todos os aeroportos, iniciando, é claro, pelos estratégicos de cada região”, observou o diretor geral do Derba, Berchris Requião.

Desde que iniciou o projeto de restauração, em janeiro, o Derba concluiu obras em sete aeroportos estaduais: Irecê, Xique-Xique, Santa Maria da Vitória, Correntina, Ibotirama, Mucugê e Barra. Os municípios de Feira de Santana, Paramirim, Ituberá, Santa Rita de Cássia, Formosa do Rio Preto, Campo Alegre de Lourdes e Cipó também estão sendo contemplados com os mesmos serviços e, em muitos, as intervenções estão em ritmos acelerados, faltando pequenos detalhes, como pintura e sinalização, para serem reinaugurados.

No cronograma de obras do Departamento para 2011 consta a recuperação de outros importantes aeródromos, a exemplo de Porto Seguro, Barreiras, Belmonte, Jequié, Bom Jesus da Lapa, Canavieiras e Palmeiras. As obras contam com recursos próprios e do Programa Federal de Auxílio a Aeroportos (PROFAA). Também para o próximo exercício, está prevista a implantação da brigada de incêndio do Aeroporto 9 de Maio, em Teixeira de Freitas, no extremo sul da Bahia. Além disso, pista de pouso e decolagem será reformada e ampliada. A estimativestimativa é que sejam gastos aproximadamente R$ 850 mil com a execução dos serviços.

Já as cidades de Vitória da Conquista e Ilhéus ganharão um novo aeroporto, cada. Ambos, mais afastado do centro urbano. Só a primeira, receberá um investimento da ordem de R$ 80 milhões para construção de um sítio aeroportuário com pista de 2.300 metros de extensão, o que viabilizará o pouso e decolagem de aviões de grande porte, resultando no desenvolvimento de toda a região Sudoeste.

Mesmo com o projeto bem adiantado, o Derba não deixou de destinar atenção ao atual aeroporto de Conquista. Para oferecer mais conforto e segurança aos usuários, o Departamento já está executando a ampliação e pintura do terminal de passageiros, do saguão, sanitários e implantação de salas de embarque e desembarque climatizadas.

Já Ilhéus, um dos destinos turísticos mais procurados da Bahia, vai ganhar um novo aeroporto – maior e mais moderno que o atual – para atender a crescente demanda, que anualmente desembarca naquela cidade. Um terreno de mais de 7,5 mil m², ou seja, com extensão superior a 756 hectares, localizado nas proximidades da BA 001, numa região conhecida como Ponta da Tulha, foi a área definida para construção do novo empreendimento, já que o atual encontra-se dentro do centro urbano e opera com restrições, devido ao desenvolvimento do município.

Para executar o projeto, o governo do Estado, através Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) e do Derba, já garantiu um aporte financeiro no valor de R$ 155 milhões, sedo que 90% da verba será destinada pela Infraero e os 10% restante oriundos dos cofres públicos.

“Nossa parceria com a Infraero vai além. A empresa é quem administra o aeroporto de Salvador, mas o Derba está intermediando as negociações para auxiliar na questão ambiental e viabilizar uma ampla reforma, já visando atender as exigências da Fifa para realização da Copa de 2014 em nossa cidade”, salientou Requião.

Por Catiane Magalhães

O Cavalo Manco e o Puro Sangue


Muito interessante esse depoimento de um dos maiores empresários brasileiros sobre o Governo Petista, nos últimos 8 anos.
Antonio Ermírio é um empresário compromissado com o Social e enxerga os benefícios do governo petista para as classes menos favorecidas e a importância de medidas econômicas tomadas, que impediram o Brasil de quebrar com a última (e ainda atual) crise econômica mundial.
Afirma que se estivéssemos vivendo um governo sob o modo de pensar o Brasil nos moldes do PSDB/DEMo (FHC, Serra e Cia), o país estaria, literalmente, no buraco.

Sabiamente, o povo brasileiro elegeu a Dilma para dar continuidade e promover o aperfeiçoamento dos avanços do governo Lula.

E Canavieiras... QUANDO VAI MUDAR!? Quando um administrador do 13, que pensa a política de forma diferente dos que aí estão, vai ter a oportunidade de gerir os destinos dessa extraordinária cidade?

SOUZA NETO
*******************************************

Eis o depoimento de Antônio Ermírio de Moraes:

O Cavalo Manco e o Puro Sangue


Os trabalhadores tem muito a aprender, mas não podemos negar que apontaram a seta do governo na direção de deixar de ser colônia extrativista. Isto já surtiu efeito no enfrentamento da última crise mundial, se o país estivesse com o modelo econômico anterior teria quebrado, isto foi dito por todos os segmentos da mídia (fora do contexto partidário) antes do processo da campanha política. Se o governo não tivesse aberto agressivamente novos mercados com economias emergentes os efeitos seriam devastadores, isto é sério, e só aconteceu porque a direção foi mudada, as bases econômicas do governo FHC foram aproveitadas até um certo ponto, mas se não mudasse a estratégia, o Brasil teria quebrado como ocorreu nas outras crises.

A aposta no mercado exterior emergente e no mercado interno, via inclusão social, é reconhecido no mundo inteiro como uma grande sacada deste governo que salvou o país de um grande desastre.


O interessante é que foi apenas uma questão de auto estima, por incrível que pareça, o governo Lula adotou a estratégia nacionalista dos governos militares e deu certo. O que aflige o pessoal que governou nas décadas passadas é que o novo posicionamento foi ideológico, deu certo, o país se protegeu e cresceu. A fome, a miséria, as desigualdades não seriam resolvidos em oito anos, basta um pouquinho de bom senso pra enxergar isto.


A priorização no resgate dos pobres via programas de renda mínima e estímulo ao micro-crédito, o aumento em "dólar" de mais de 300% no salário mínimo, entre outras medidas, foram fundamentais para reduzir as desigualdades, irrigar de forma bem pulverizada a economia com dinheiro que gera emprego e germinou o ciclo virtuoso da economia.


Com o aproveitamento e o aperfeiçoamento das bases econômicas bastou a decisão política de acreditar que podemos sonhar em deixar de ser colônia extrativista.


Ainda estamos longe, não temos estradas, portos, aeroportos, escolaridade, sistema de saúde, centros de pesquisa, universidades qualificadas, mas para que possamos ter um dia todas estas coisas é preciso que tomemos a decisão política de apostar no Brasil, no trabalhador do Brasil, no empreendedor brasileiro, na distribuição de renda via salários dignos, no ciclo virtuoso do bom capitalismo, e esta decisão foi tomada neste governo.


Nesta decisão de política nacionalista, deflagrou-se um programa de investimento maciço em infraestrutura de longo prazo, que só vai repercutir em oito ou dez anos, visando viabilizar o desenvolvimento do país (reindustrialização nacional, agrobusiness, infraestrutura, geração de energia, etc), o programa de aceleração do crescimento, PAC, representando mais uma vez a aposta no Brasil, deu certo, o iluminado Lula novamente pontuou onde os tucanos falharam.
Quando a crise do primeiro mundo chegou o ciclo virtuoso se tornara auto-sustentável.


O capital produtivo já havia apostado no Brasil e o país já se mostrava como uma decisão acertada.


Em todas estas frentes estratégicas, o governo anterior apostou que as multinacionais tomariam nossas frentes produtivas sem interferência do estado, via privatização, etc, e gerariam novos empregos porque os trabalhadores venderiam sua mão-de-obra barato e os recursos naturais estariam a sua mercê para extrair e produzir fartos lucros.


Ledo engano, as multis são fiéis às suas origens, seu compromisso é de envio dos fartos lucros para as matrizes.


Esta decisão estratégica errada estava transformando o país em quintal extrativista do mundo, deixando os industriais locais à margem do processo, com a maioria da população condenada ao sub desenvolvimento enquanto uma minoria fazia compras nos shoppings de New York e Londres.


O mundo desenvolvido antes de ser o que é passou por decisões estratégicas de governo, as coisas não acontecem sozinhas. Esta foi a direção errada do governo anterior, acreditar que o lobo seria o melhor guardião do galinheiro e não apostar na capacidade do empreendedor e do trabalhador brasileiro.


Os trabalhadores tem muito a aprender e isto ficou evidente nos poucos anos de poder, mas os neocapitalistas de visão curta estiveram no poder a vida inteira e já mostraram muito bem o modelo de sociedade que desejam.



Prefiro levar meu cavalo manco para a fonte do que seguir de puro-sangue pro deserto.

Antonio Ermírio de Moraes - Empresário